quarta-feira, 6 de julho de 2011

EM BUSCA DA VERDADE


Vou andando,
Tropeçando e levantando,
Recolhendo minha alma,
Expondo minha verdade,
Certa de meus enganos,
Vivendo dos delírios,
Iludindo-me no sucesso,
Rindo na derrota,
Mas avançando,
Sempre célere e duvidosa
Em busca da verdade.

Vou caminhando,
Pedras a contornar,
Obstáculos enganosos,
Elogios inadequados,
Procurando o meu mundo,
Conclusões precipitadas,
Vaga esperança no olhar,
Dúvidas a  se acercarem,
Decepções a contornar,
crescendo, crescendo,
Em busca da verdade

Vânia Moreira Diniz

2 comentários:

  1. Mana, lindo, como sempre! Você disse tudo, aí, simplesmente caminhada, sua presença neste mundo tão cheio de altos e baixo. E o que o mais gosto? Estou com você nesta caminhada, sempre!!!! beijão

    ResponderExcluir
  2. Vânia querida
    Tua verdade desenha-se na Poesia
    nela renovas as forças para ver
    com clareza, mas no entanto é no
    obscuro que a claridade surge
    e põe-te a caminhar...
    bjs desta tua manamiga e grata
    aprendiz virgínia fulber, além mar Poetinha- NHamburgo RS brasil

    ResponderExcluir

Você também poderá gostar de:
Ocorreu um erro neste gadget